Massa folhada

Nos dias em que ando cheia de stress e qualquer coisa é motivo para reclamar (não tenho culpa de ser “reclamona” :D) vou para a cozinha e sei que no final tudo passou e posso deliciar-me com o que sai de lá. Num dia desses resolvi ir para a cozinha pois tinha manteiga para folhados que meti a descongelar e precisava dar-lhe um fim e lá pus a mão na massa.

O método de fazer aprendi durante o estágio de curso que fiz ano passado, onde aprendi imensas coisas pois apesar de não terem de o fazer todos os empregados estavam sempre disponíveis para me explicar o processo para cada iguaria que de lá saia e tudo era feito ainda pelo método tradicional, produzindo por dia cerca de 40kg de massa folhada. Para quem quer provar  as maravilhosas iguarias foi na Pastelaria Gomes com sede em Vila Real e que faz dos melhores covilhetes que já alguma vez provei.

Ingredientes:

  • 750g de farinha
  • 500g de manteiga para folhados gelada (comprei no cenários gulosos)
  • 200mL de água
  • 1/2 colher de sal

Preparação:

1. Coloque a farinha e o sal numa bancada e faça um buraco no centro. Aos poucos junte a água no centro e com os dedos vá misturando com a farinha apartir de dentro até obter uma bola que descole das mãos. Embrulhe em plástico filme e leve por 30 minutos ao frigorífico.

2. Divida a manteiga em 3 partes iguais. Passados os 30 minutos estenda a massa numa bancada enfarinhada num rectângulo de 50*30 e divida-o em 3 partes, amoleça uma das três partes da manteiga que dividiu e espalhe-a bem por 2/3 da massa apenas. Quando acabar a manteiga feche a massa como se fosse um livro, fechando primeiro a parte que não tem manteiga. Leve por mais 10 minutos ao frigorífico.

3. Passados os 10 minutos, estenda novamente a massa num rectângulo de 50*30, volte a dividir a massa e repita o processo com a 2º parte de manteiga que dividiu e depois de levar mais 10 minutos ao frigorífico repita com a terceira e última parte da manteiga. Estenda então a massa agora com um rectângulo de 50*40 e leve por mais 40 minutos ao frigorífico e a sua massa está pronta a ser utilizada.

Nota: O método parece um pouco complicado e trabalhoso mas é bem fácil, na próxima vez que fizer vou tentar fazer um passo a passo e depois edito a receita.

7 thoughts on “Massa folhada

  1. Adoro massa folhada amiga, mas nem me arrisco em fazer, precisaria fazer um curso . Mas pelo que vc diz parece ser facil essa técnica. Ficou mesmo uma linda massa. Bjos

    • é muito fácil querida Josy, antes eu pensava igual e quando fiz o estágio percebi que afinal é mais fácil do que parece, apenas é preciso alguma força para esticar a massa, mas quem tem a máquina de cortar as massas com o cilindro ajuda bastante..beijinhos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s